quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

A Aparente Ausência dos Grandes Chefes

-
A presença de um verdadeiro chefe de Estado
É sentida pelo povo como ausência.
Os maiores são amados e louvados,
Os medíocres são ignorados,
Os ambiciosos são desprezados.
Quando um soberano confia em seu povo,
O povo confia nele.
Os chefes sábios são ponderados em suas palavras;
O que eles fazem é bom,
Desempenham a sua tarefa –
Mas o povo tem a impressão
De se guiar a si mesmo.

Explicação: É esta a imagem da verdadeira cosmocracia, a forma perfeita da democracia: cada cidadão é governado por sua própria consciência, e, embora obedeça a leis externas, tema impressão de não obedecer a nenhum governo externo, senão apenas ao seu próprio governo interior, que é a consciência cósmica. Quanto menos o povo percebe a presença do governo de fora, tanto melhor, porque o governo de dentro é tão imperceptível e imponderável como o ar, como a luz, como a vida, cuja presença benéfica todos ignoram.

O homem integral é um homem auto-governado, cosmo-governado, Cristo-governado.

-
Lao-Tse_Tao Te King

Nenhum comentário:

Postar um comentário