quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

A História das Duas Rãs

Existem momentos em que a paciência – por mais difícil que seja exercê-la – é a única maneira de suportar determinado problemas. A famosa história a seguir ilustra bem isso:

Duas rãs caíram dentro de uma jarra de leite. Uma era grande e forte, mas impaciente. E, confiando na sua forma física, lutou a noite inteira, debatendo-se para escapar.

A outra rã era pequena e frágil. Como sabia que não teria energia para lutar contra seu destino, resolveu entregar-se. Com suas patas, fez apenas os movimentos necessários para manter-se na superfície, sabendo que cedo ou tarde iria morrer.

“Quando não se pode fazer nada, nada se deve fazer”, pensava ela.

E assim as duas passaram a noite -  uma na tentativa desesperada de salvar-se, a outra aceitando com tranqüilidade o seu destino.

Exausta com o esforço, a rã maior não agüentou mais e morreu afogada. A outra rã conseguiu boiar a noite inteira e quando, na manhã seguinte, resolveu entregar-se à morte, reparou que os movimentos de sua companheira haviam transformado o leite em manteiga.

Tudo o que teve de fazer foi pular fora da jarra.

-
Contos do Alquimista_ Paulo Coelho

Nenhum comentário:

Postar um comentário